Os cafés melhores pontuados no 2° Concurso de Qualidade de Campestre foram premiados em evento realizado no dia primeiro deste mês. A solenidade foi realizada no Paladino Eventos e é uma parceria entre a Prefeitura Municipal, Emater MG e Armazém Café da Fonte.

Durante o evento, onde estavam presentes a maioria dos produtores que participaram do Concurso, juntamente com seus familiares, para receberem os prêmios de participação e as suas respectivas colocações.

Aconteceu na última quinta-feira, dia 26 de setembro, a primeira etapa do julgamento e Classificação das amostras, onde vários Degustadores indicados pelo Armazém Café da Fonte realizaram o Julgamento das 88 amostras participantes.

Todas as amostras foram classificadas de acordo com a umidade, aspecto, peneira, bebida, sabor e aroma, sendo selecionados os 25 melhores lotes na categoria Natural e os 05 melhores lotes na categoria Despolpado, que seguirão para a segunda etapa do Concurso, a acontecer em meados de outubro de 2019.

Aconteceu na manhã de hoje, 25, no Armazém Café da Fonte, a segunda etapa (fase final) do 2° Concurso de Qualidade dos Cafés de Campestre. Os 30 lotes melhores classificados na primeira fase, foram julgados pelos mais conceituados degustadores do Sul de Minas e Mogiana Paulista.

O Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais – Campus Machado, através do Núcleo de Estudos em Qualidade e Industria do Café – NEQUALI, finalizaram a preparação das amostras para o 2° Concurso Municipal de Qualidade dos Cafés de Campestre, que agora segue para o Armazém Agro Fonte Alta onde será feita a Análise Física conforme Classificação Oficial Brasileira, selecionando os 30 melhores lotes para participação na segunda etapa do Concurso.